Esportes

COPA SUL-AMERICANA 24/11/2017 07:57

Flamengo vira sobre o Junior e fica em vantagem na semifinal

O Flamengo mostrou raça e venceu por 2 a 1 o colombiano Junior Barranquilla, nesta quarta-feira, no Maracanã, pela Copa Sul-Americana. Com o resultado, os rubro-negros ficaram em vantagem para o duelo de volta, na próxima semana, na Colômbia.

Da Redação

Os cariocas viram o Junior abrir o placar no primeiro tempo, com Teo Gutiérrez. No entanto, na etapa final, chegaram à vitória com gols de Juan e Felipe Vizeu, o mesmo atacante que havia se desentendido com o zagueiro Rhodolfo diante do Corinthians, pelo Campeonato Brasileiro, e mostrado o dedo médio ao companheiro.

Os flamenguistas irão para a Colômbia em busca da classificação para a final da Copa Sul-Americana na próxima quinta-feira, podendo até empatar. Uma vitória mínima dá a vaga para o Junior Barranquilla.

O jogo – O Junior Barranquilla assustou logo com um minuto, com Chará. O atacante recebeu na área, mas chutou muito mal. O lance fez o Flamengo melhorar a marcação. Com isso, os rubro-negros passaram a pressionar os colombianos. No entanto, tinham dificuldade para criar boas chances de gol.

O Flamengo criou a sua primeira chance de abrir o placar aos dez minutos. Mancuello recebeu passe na entrada da área e chutou para o gol. A bola foi na rede pelo lado de fora e enganou a parte da torcida que estava do outro lado do estádio.

Só que o domínio flamenguista foi momentâneo. O Junior conseguiu chegar com perigo aos 16 minutos. Após falha da zaga, a bola chegou a Yoni González. O atacante finalizou, mas foi abafado pelo goleiro Diego Alves. No lance, o arqueiro sofreu uma lesão e precisou ser substituído pelo contestado Alex Muralha.

Os colombianos permaneceram melhores em campo e chegaram ao gol aos 20 minutos. Após boa troca de passes do Junior, Yoni González cruzou rasteiro para Teo Gutiérrez apenas tocar para a rede.

O revés fez o Flamengo voltar a buscar o ataque com mais intensidade. Primeiro, Mancuello arriscou de longe e levou perigo. No minuto seguinte, Vizeu aproveitou cruzamento de Éverton Ribeiro e cabeceou muito próximo do gol. Com espaço, o Junior voltou a assustar aos 33 minutos. Em contra-ataque rápido, Chará foi lançado e chutou cruzado para boa defesa de Alex Muralha.

Mesmo tendo mais posse de bola, o Flamengo seguia com dificuldade de passar pela marcação colombiana. Com isso, os rubro-negros insistiram nas bolas aéreas, sem qualquer sucesso. O Junior buscava os avanços nos contra-ataques, porém pecavam no setor ofensivo. Assim, os visitantes conseguiam segurar a vantagem até o intervalo.

No segundo tempo, os donos da casa quase empataram logo com um minuto. Após cruzamento, Éverton Ribeiro cabeceou e a bola foi muito perto do gol. A resposta do Junior veio aos quatro. Murillo cruzou da direita, mas Chará finalizou muito mal.

Depois do começo agitado, a partida voltou a ficar como na etapa inicial. O Flamengo seguia tendo mais posse de bola, mas sem objetividade. Somente aos 21 minutos, os rubro-negros chegaram com perigo. Após cobrança de escanteio, Réver cabeceou no canto, mas viu o goleiro Sebastian Viera se esticar para salvar o Junior.

Só que, aos 30 minutos, o Flamengo chegou ao empate no Maracanã. Em nova cobrança de escanteio, Juan apareceu para cabecear sem chance para Viera.

O Junior não se intimidou e quase marcou aos 32 minutos. Chará tocou para González na área. O meia chutou com força, mas parou em boa defesa de Alex Muralha. No minuto seguinte, Chará serviu a Diaz, que finalizou pela linha de fundo, muito perto do gol.

A resposta do Flamengo veio em grande estilo aos 36 minutos. Após cruzamento, Willian Arão escorou para Felipe Vizeu, que acertou belo chute de primeira, no ângulo de Viera.

Fonte: SóNotícias


versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo