Geral

BELEZA NATIVA 02/02/2018 08:40

Neta de índigenas é a nova Miss Cuiabá 2018

Hamanda Campos venceu a disputa contra outras 15 jovens igualmente belas, entre as quais se sobressaiu por sua grande empatia e elegância

A vencedora do concurso Miss Cuiabá 2018 é a universitária e neta de indígenas, Hamanda Campos. A jovem, de 21 anos, é funcionária da Câmara de Vereadores da capital, tem 1,70 de altura e foi eleita em evento realizado na quinta-feira,01. Em segundo e terceiro lugares ficaram, Thais Justi e Larissa Pauli.

Hamanda agora vai representar a capital no Miss Mato Grosso, em março, que será realizado em Sinop (500 km ao Norte de Cuiabá). No evento, Hamanda disse que sua marca será a de simplicidade, uma filha da terra.

Ela agradeceu aos pais - a mãe, que é assistente social, e o pai, advogado - pelo incentivo. Ela cursa Nutrição na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).

O evento

Em uma disputa acirrada com a também estudante de Ciências da Computação Thais Justi de Toledo, a plateia vibrou com o anúncio de que a beleza morena e tipicamente cuiabana prevaleceu. Hamanda chorou, de surpresa e emoção. 

"Foram dias de muito aprendizado, especialmente de humildade, sei que todas tinham chances de receber este título, mas me sinto honrada e surpresa de ter conquistado", disse a vencedora. 

No total, 16 candidatas, com idades entre 18 e 23 anos, estavam concorrendo à coroa. A vencedora vai representar a Capital no concurso Miss Mato Grosso Be Emotion 2018, que será realizado no mês de março, em Sinop. A prefeita do município Rosana Martinelli fez questão de prestigiar o evento.

Com 15 anos na organização do Miss Cuiabá e 28 no concurso estadual, o ‎coordenador do evento, Warner Willon, destacou a importância do protagonismo feminino na sociedade e elogiou a atual gestão de Cuiabá por abrir as portas do Palácio Alencastro para as jovens.

‎"Há 12 anos não tínhamos uma parceria como esta com a prefeitura, somos muito gratos à primeira-dama por contribuir com o resgate do papel da Miss Cuiabá frente à sociedade cuiabana", descreveu emocionado. "Vou completar 50 anos muito feliz com o resultado do nosso trabalho que eterniza um ícone da beleza e do glamour feminino". 

O evento contou com as presenças VIP da Miss Brasil Be Emotion 2017, Monalysa Alcântara, que pela primeira vez veio a Cuiabá e não estranhou o calor. "Eu me senti como se estivesse no Piauí, o mais incrível é o calor humano, estou apaixonada pelos cuiabanos".

A Miss Cuiabá Be Emotion 2017, Drielly Malaquias Amorim, agradeceu pela experiência e enfatizou que estar ativamente nos projetos sociais da prefeitura, servindo de referência para as demais meninas permitiu crescimento pessoal de vida.

Willon explicou que mais que beleza, o perfil das vencedoras mudou ao longo dos anos e hoje enfatiza a intelectualidade e o envolvimento social. A maioria das candidatas deste ano é estudante, de cursos universitários como Direito, Zootecnica, Turismo, Computação e Medicina.

A segunda colocada Thais Justi e a terceira Larissa Pauli também encantaram os jurados e o publico

versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo