Meio Ambiente

16/04/2016 08:50

Madeira ilegal é apreendida pela polícia em Rondonópolis

Da Redação

Com Assessoria

A Polícia Ambiental apreendeu em Rondonópolis (240 km de Cuiabá), uma carga ilegal de madeira composta por 900 lascas e 60 palanques de madeira da espécie itaúba. A carga estava sendo transportada sem a Guia de Transporte Florestal (GTF) e sem nota fiscal, documentos obrigatórios para transporte de produtos de origem florestal.

O flagrante se deu em razão de uma denúncia anônima sobre um carregamento de entorpecentes que estaria escondido em um caminhão.

Na tentativa de confirmar a denúncia, os policiais do 5° Batalhão abordaram um caminhão bitrem com carregamento de madeira. Acreditando que poderia ter droga estar camuflada entre as peças de madeira, o grupo policial solicitou apoio da 2° Companhia de Polícia Ambiental para a identificação e conferência dos documentos exigidos para o transporte da carga.

A verificação constatou que a carga estava sendo transportada ilegalmente. A madeira não possuía a GTF, nem nota fiscal comprovando a aquisição legal das peças. Com isso, o motorista foi preso em flagrante e autuado em R$ 270 mil.

A madeira apreendida está no pátio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente aguardando decisão judicial. O motorista foi encaminhado à delegacia para prestar mais esclarecimentos. Ele não apontou o responsável de origem e destino da carga, apenas disse que o caminhão é particular e que o carregamento foi feito em Primavera do Leste). Os valores calculados para aplicação da multa desta espécie de madeiramento é de R$300,00 por peça (palanques, lascas e toras).


versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo