Municipio

14/09/2015 13:46

Campanha contra a hanseníase e verminoses prossegue nas escolas da Regional Sul

Foto: Tchélo Figueiredo

MARIA BARBANT / SECON - CUIABÁ

As equipes da Secretaria de Saúde de Cuiabá prosseguem nesta segunda-feira (14), as ações que integram a campanha de prevenção a hanseníase e verminoses, nas escolas da rede pública de ensino localizadas na capital. As equipes estarão visitando as escolas localizadas na Regional Sul. A campanha do governo federal em parceria com estados e municípios, é direcionada aos alunos na faixa etária dos 05 aos 14 anos, e vai até o dia 30 de outubro. A meta é atingir cerca de 70 mil alunos das 156 escolas da rede pública de ensino, municipais e estaduais, localizadas em Cuiabá. O técnico do programa de Combate à Hanseníase da Secretaria Municipal de Saúde, Cícero Fraga de Melo, explicou a campanha é focada na orientação e esclarecimentos sobre essas doenças e no diagnóstico precoce e tratamento imediato. ?Além de orientarmos os alunos, durante a campanha estamos fazendo o tratamento coletivo das geo-helmintíases, por meio da administração de um antiparasitário (albendazol 400 mg), e realizando a busca ativa de casos de hanseníase?, explicou o técnico. Para que os filhos recebam o antiparasitário, os pais tem que autorizar por meio do preenchimento de uma ficha. Já em relação à hanseníase, os alunos levam pra casa uma ficha de auto-imagem, com um desenho esquemático do corpo humano (método do espelho), que deverá ser preenchida pelos pais ou responsáveis, marcando as lesões existentes na pele da criança e respondendo a um breve questionário. Os alunos com lesões identificadas na pele serão encaminhados à rede básica de saúde para exame médico e confirmação ou exclusão do diagnóstico de hanseníase, sendo priorizado o atendimento conforme as respostas ao questionário Em relação às verminoses, os casos positivos recebem tratamento. Segundo o técnico, nessa faixa etária as crianças têm maior risco de serem infectadas por parasitas como o Ascaris lumbricóides (lombriga), o Ancilostomideos (amarelão) e o Trichuris trichiura (verme chicote). Este é o terceiro ano que a campanha é realizada em todo o Brasil. Em 2014, em Mato Grosso, por meio da campanha, foram diagnosticados 80 casos de hanseníase nessa faixa etária, todos encaminhados para tratamento. Confira as escolas em que a campanha está sendo realizada nesta segunda-feira (14): Escola Municipal de Ensino Básico Irmã Maria Betty - Bairro Novo Mato Grosso Escola Municipal de Ensino Básico 08 de Abril ?" Bairro Carumbé Escola Municipal de Ensino Básico Dejani Ribeiro ?" Bairro Jardim Vitória Escola Municipal de Ensino Básico Maria Lucila ?" Bairro Jardim Ubirajara Escola Municipal de Ensino Bária Eugênia Pereira Melo ?" Bairro Vista Alegre Escola Municipal de Ensino Básico Moacyr Gratidiano ?" Bairro Parque Ohara Escola Municipal de Ensino Básico Luiza Prado ?" Bairro Osmar Cabral Escola Municipal de Ensino Básico Constança Bem Bem ?" Bairro Jardim Fortaleza

versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo