Municipio

SAÚDE 06/10/2015 11:40

Obras do novo Pronto Socorro de Cuiabá avançam com fim da adequação da área

Da Assessoria

Cumprindo o prazo estipulado pelo prefeito Mauro Mendes, a obra do novo Hospital e Pronto-Socorro de Cuiabá completou, na sexta-feira (02), 90 dias de lançamento com 100% dos trabalhos de adequação de área concluídos. O canteiro de obra, localizado na região do Ribeirão do Lipa, já ganha uma nova estrutura com a conclusão da terraplanagem e sondagem.

Os maquinários estão trabalhando na adequação das entradas de circulação do local e a previsão é que até a segunda quinzena deste mês, a equipe dê inicio a parte de execução da obra, com os trabalhos de drenagem e fundação.

Segundo o secretário de Obras Públicas, Marcelo Oliveira, os trabalhos seguem dentro do cronograma esperado e que a fase de fundação - construção da estrutura interna que dá suporte ao prédio - será iniciada após a drenagem do terreno, com as instalações de sapatas, blocos, grelhas e radier, seguidas das instalações mais profundas, como as estacas e tubulações. "A equipe está muito empenhada nos trabalhos. Estamos copilando todas as orientações do prefeito, que acompanha a obra de perto. Acreditamos que até janeiro de 2016 a parte física esteja em fase de estruturação”, destacou.

Na primeira fase, foram removidos 80 mil metros cúbicos de terra, equivalente a 6,7 mil caminhões carregados, em menos de dois meses. “Isso representou ganho de tempo, que fará diferença na fase final da obra”, pontuou o secretário.

Para cumprir o prazo de entrega estipulado, de 20 meses, além do empenho na parte de execução da obra, foram feitos ajustes no projeto inicial na linha estrutural, em que materiais como pilares, vigas, lajes pré-moldadas, foram inclusas na construção.

A construção está sendo realizada pelo consórcio CL Cuiabá, formado pelas empresas Lotufo Engenharia e Construções e Grupo Concremax.

Do total orçado, R$ 50,7 milhões serão repassados pelo governo estadual e a prefeitura desembolsará R$ 29,9 milhões.

Estrutura

Considerada a obra mais importante dos últimos 30 anos para a saúde de Cuiabá e do Estado, a nova unidade, que está orçada em R$ 79,6 milhões, terá 21.069,13 metros quadrados de área, construída em um terreno com cerca de 20 hectares.

A unidade contará com três grandes setores. Serão 315 leitos, sendo 40 para Unidades de Terapia Intensiva (UTI), um Centro de Diagnósticos, evitando que os exames necessários sejam feitos em outros lugares e, ainda, um Centro Ambulatorial, com consultas e leitos para internação suficientes para qualquer tipo de atendimento.

O prédio terá três entradas principais: a primeira será exclusiva para pacientes com casos de urgência e emergência adulta e pediátrica referenciados pelo SUS (como aqueles direcionados pelo Samu, ou redirecionados pelas Unidades de Pronto Atendimento (UPA); a segunda entrada para casos ambulatoriais (como consultas e agendamentos); e a terceira para internações).

Para facilitar a chegada de ambulâncias e da população, a unidade de saúde terá dois acessos. Um pela Avenida Miguel Sutil e outra pelo Bairro Despraiado. Além de uma área para estacionamento com 444 vagas e um heliporto.


versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo