Polícia

GÁS ROUBADO 03/06/2018 09:55

Polícia recupera carga roubada de 640 botijões de gás

Os criminosos iriam entregar na carga de gás roubada em Sinop. O produto estava sendo guardado em um salão de festas no bairro 8 de Março em Várzea Grande

Da Redação

Uma carga de mais de 640 botijões de gás que havia sido roubada de um caminhão na BR-364 foi recuperada por policiais militares do 25º Batalhão de Várzea Grande. O caminhão que havia sido carregado para abastecer, foi abordado por 4 criminosos na tarde de sexta-feira (1) e o motorista ficou sob poder dos criminosos por cerca de 6 horas.

Segundo informações apuradas, cada botijão vale em média R$ 250. De acordo com o tenente André Cardoso, a polícia foi avisada por moradores do bairro 8 de Março, em Várzea Grande, que ouviram barulho de descarregamento de gás na região, mas não tinham conhecimento de revenda autorizada no local. Frente à denúncia, policiais foram até o bairro e realizaram diligências em vários locais até encontrarem a carga que estava armazenada em um salão de festas.

Os policiais averiguaram que o salão havia sido locado para a data, mas as informações repassadas para a locação eram falsas e não existiam. O Corpo de Bombeiros foi acionado para fazer a fiscalização dos botijões que precisam ser armazenados da forma correta por ofereceram risco. Ninguém foi preso.

O motorista do caminhão, que foi rendido por volta da 18h de sexta, foi liberado à meia noite próximo ao posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), sem ferimentos. Para a PM ele contou que, dos 4 que o abordaram armados, 2 permaneceram com ele em um veículo, enquanto os outros dois levaram a carga roubada.

A polícia acredita que com a falta de gás no mercado por causa da paralisação dos caminhoneiros, a carga roubada seria vendida de forma irregular em Várzea Grande. Ao todo foram recuperados 640 botijões com gás P13 e 2 com gás GLP 20.


versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo