Política Estadual

VLT 05/12/2017 11:43

Cuiabá deve assumir obras de "túnel" previsto para o VLT

Obra está orçada em R$ 14,5 milhões e parcialmente executada.

Da Redação

A abertura do túnel da rua Trigo de Loureiro ligando os bairros Consil e Araés, na região do Viaduto sobre a Avenida Historiador Rubens de Mendonça (Avenida do CPA), foi tema de reunião entre o secretário de Estado das Cidades, Wilson Santos, o secretário adjunto das Obras do VLT, José Piccolli Neto, e o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro. O encontro ocorreu na sede do Palácio Alencastro na tarde desta segunda-feira (04.12). A obra em questão foi idealizada em 2012 dentro do projeto do Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT), Cuiabá-Várzea Grande e estava orçada em R$ 14,65 milhões.

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, expressou interesse em realizar os serviços de abertura do túnel, que hoje está parcialmente executado, porém com aterro que impede o tráfego de veículos pelo local. O titular da Secid não vê objeções na realização da obra pela prefeitura e sugeriu que o chefe do executivo municipal leve sua demanda também ao governador do Estado, Pedro Taques, para liberação final. “Essa é uma obra muito importante para mobilidade urbana de Cuiabá, para o sistema viário da cidade e não precisa, necessariamente, ser realizada juntamente com o complexo do VLT. Essa é a questão pontual (abertura do túnel) que nós pedimos ao secretário (das Cidades) para que pudessemos ter acesso ao projeto e para futuramente fazermos, em conjunto com Estado, a liberação do trânsito naquela região”, explicou o prefeito durante a reunião.

Na oportunidade, o secretário Wilson Santos entregou ao chefe do executivo municipal o projeto base da obra que contempla a implantação do túnel da rua Trigo Loureiro. “O prefeito vem insistindo nessa obra por saber da sua importância, até fruto do conhecimento dele em toda essa área de mobilidade urbana. E o governador tem dito que tudo que pode ser feito para colaborar com a gestão do prefeito Emanuel e facilitar serviços à população, será feito”, atestou o chefe da Secretaria das Cidades.

A obra

A obra pleiteada pela prefeitura consiste na escavação para liberação do túnel, que hoje está aterrado, e a construção de um pequeno viaduto próximo à  empresa Todimo, de cerca de 10 metros. Os serviços estão orçados, inicialmente, em R$ 1,5 milhão. “Essa é uma obra rápida e o projeto está pronto, bem como o memorial de cálculo”, complementou o secretário Wilson Santos.

O secretário adjunto para Obras do VLT, José Piccolli, explicou ao prefeito Emanuel Pinheiro que a obra de modo algum impacta na implantação do modal e originalmente o projeto do túnel da rua Trigo Loureiro prevê o alargamento do viaduto da Miguel Sutil (sobre a avenida do CPA), tornando o trânsito mais dinâmico para quem segue pela Miguel Sutil no sentido Trincheira Trabalhadores/Jurumirim – Rodoviária de Cuiabá. “As fundações estão prontas e o projeto total tem um custo de mais de R$ 10 milhões”, explicou o adjunto.

Dentro da obra do VLT, a passagem entre os bairros Consil e Araés previa a construção de um túnel (31,4 metros), além dos alargamentos do viaduto sobre a Avenida do CPA e o alargamento da Avenida Miguel Sutil.

Fonte: Folhamax


versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo