Saúde e bem estar

11/10/2015 13:02

Governo já repassou mais de R$ 46,5 milhões para Saúde da capital

GUSTAVO NASCIMENTO / Redação/Gcom-MT

O Governo de Mato Grosso já repassou R$ 46,5 milhões para o setor da saúde de Cuiabá em 2015. Entre os principais repasses estão os investimentos no Hospital São Benedito, para alta e média complexidade e na atenção básica. Conforme dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES), de todo montante repassado, aproximadamente R$ 9,9 milhões, ou 21,2%, foram referentes a restos a pagar de 2014.

O governador Pedro Taques destaca a parceria do Estado com os municípios e por isso as ações devem crescer de forma contínua. "Cuiabá é a capital e maior cidade de Mato Grosso. Por isso acaba recebendo pacientes de todo Mato Grosso. Diante deste cenário, o nosso governo não irá virar as costas para a saúde de Cuiabá, vamos continuar realizando parcerias e investimentos, sempre com o objetivo de melhorar a vida do cidadão", disse o governador, ressaltando o compromisso do Estado em investir na melhoria do atendimento em saúde.

No início do ano, a Secretaria de Saúde precisou realizar pagamentos que estavam com até de quatro meses em atraso, como o Programa da Saúde de Família (PSF), que não recebia repasses desde o mês de setembro de 2014. Ao todo, a SES repassou R$ 1.326.464,50 para o PSF e para o Programa Saúde Bucal do município.

Alta complexidade

Para os serviços de micro regionalização – serviços de atenção psicossocial, acompanhamento terapêutico, entre outros - e alta e média complexidade, a capital recebeu aproximadamente R$ 37 milhões.

Cuiabá é cidade referência no Estado para cirurgias de alta complexidade, ou seja, pacientes de todas as regiões vem para o município para receber o atendimento. Neste caso, o município recebeu cerca de R$ 31,7 milhões, que foram repassados para sete hospitais (Amecor, Hospital de Câncer, Pronto Socorro Municipal, Santa Helena, Santa Casa de Misericórdia, Júlio Miller e Hospital Geral) contratados pela prefeitura. Aproximadamente R$ 6,8 milhões do montante também foram de restos a pagar da gestão passada.

Para o custeio de serviços de média complexidade foram transferidos R$ 2.442.019,86 e também R$ 3,2 milhões para o custeio da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Morada do Ouro também, via fundo estadual para o fundo municipal de saúde. Os serviços de micro regionalização receberam R$ 63,8 mil este ano.

Hospital São Benedito

A unidade hospitalar especializada da capital já recebeu R$ 4,5 milhões da SES, sendo que R$ 500 mil são referentes a um incentivo do Estado para a reforma da unidade, por meio do Programa de Alta Complexidade, e os outros R$ 4 milhões para procedimentos ambulatoriais e hospitalares.

Em menos de três meses de funcionamento, o Hospital São Benedito realizou mais de 500 cirurgias de ortopedia e neurologia e zerou a fila de espera para cirurgias neurológicas na capital.

Além disso, o foi repassado R$ 1,8 milhão para o custeio de 100 leitos de retaguarda suplementares nas clínicas médicas e cirúrgica aos pacientes assistidos no Hospital Pronto Socorro Municipal de Cuiabá.

Pronto Socorro

O Executivo Estadual está trabalhando junto com a Prefeitura para a construção do novo Hospital e Pronto-socorro Municipal de Cuiabá, que está sendo erguido no bairro Ribeirão do Lipa.

Ao todo, o Governo irá repassar R$ 50 milhões para investimentos na obra, o que corresponde a 65% do valor total licitado, que é de R$ 76,9 milhões. Por meio da Secretaria de Estado de Saúde, a Prefeitura de Cuiabá também receberá recursos para custeio dos serviços.

A previsão é de que a obra seja concluída após 18 meses do seu início. A unidade conterá com 315 leitos, sendo 60 para Unidades de Terapia Intensiva (UTI).


versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo