Weather for the Following Location: Cuiaba map, Brazil

22 de abril de 2024 7:59 pm

Coleção de artigos de luxo apreendidos pela PF na casa de Rowles Magalhães surpreende

Objetos de luxo apreendidos pela PF na casa de Rowles Magalhães em Cuiabá valem uma pequena fortuna
Luxos: Rowles Magalhães tinha uma grande coleção de objetos de luxo em seu apartamento em Cuiabá

Do Midianews

A Polícia Federal apreendeu mais de três dezenas de bolsas de grifes de luxo, euros e relógios durante o cumprimento dos mandados de busca e apreensão na casa do lobista Rowles Magalhães, em Cuiabá.

Os objetos foram apreendidos na Operação Descobrimento, deflagrada na última terça-feira (19), no apartamento em que pertence a Rowles e à esposa, Joelma de Moraes Girotto, no Bairro Quilombo, em Cuiabá.

Rowles foi preso na operação em São Paulo. Ele foi assessor especial do governo Silval Barbosa e se tornou conhecido ao denunciar, em 2012, um esquema de pagamento de propina referente à licitação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT).

Entre no grupo do MidiaNews no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).

Segundo lista da Polícia Federal, foram 33 bolsas de grifes famosas como Chanel, Dior e Yves Saint Laurent, dois relógios, sendo um Rolex e outro Tissot e 1.455 euros em espécie, cerca de R$ 7,5 mil – veja lista abaixo.

Alguns objetos apreendidos durante a ação policial
Os agentes também vasculharam a casa do ex-secretário de Estado Nilton Borgato – preso na operação – em Glória D’Oeste. Ele já foi prefeito do município e possui uma residência lá.

No imóvel foram encontrados apenas um celular Samsung, um contrato de compra e venda de imóvel e um veículo Honda Civic EXL, na cor branca.

Veja lista:

Na casa de Rowles Magalhães em Cuiabá foram apreendidos:

– Um telefone celular azul Iphone

– Dois lenços de grife, sendo um da marca Prada e outr Louis Vuitton

– Três bolsas grandes de grifes de luxo, sendo duas da marca Louis Vuitton e uma da Christian Dior

– 12 bolsas médias de grifes de luxo, sendo: três da Chanel, nas cores azul marinho, bege e preta; três da Louis Vuitton, duas da Prada; uma da Gucci; uma Bottega; uma Saint Laurent, na cor preta; uma Dolce & Gabbana, na cor laranja;

– 18 bolsas pequenas de grifes de luxo, sendo: uma Dolce&Gabbana, na estampa animal print (onça); três Valentino, nas cores prata, dourado e rosa; três Gucci, nas cores bege, chocolate e bege com vermelho; uma da marca Balenciaga, na cor branca; duas Bottega, ambas nas cores verde; duas Prada; duas Dior; uma Saint Laurent, na cor vermelha; uma Louis Vuitton; uma da marca Isla; e uma Chanel

– Uma carteira preta da marca Chanel

– 1.455 euros em espécie

– Um relógio Rolex, prata

– Um Relógio Tissot

– Quatro dólares

– Contrato de compra e venda;

– Termo de cessão de direitos do empreendimento Edifícil Royal President

– Documento declaração de União Estável de Rowles e Joelma de Moraes Girotto.

Na casa de Borgato em Glória D’Oeste foram apreendidos:

– Um celular Samsung

– Contrato de compra e venda de imóvel

– Veículo Honda Civic EXL, na cor branca

 

Operação descobrimento

A investigação começou em fevereiro de 2021, no dia em que a PF da Bahia encontrou mais de meia tonelada de cocaína num jatinho executivo de luxo, que pertence a uma empresa portuguesa de táxi aéreo — a Omni.

O jato tinha saído de Cascais, em Portugal, duas semanas antes da apreensão. Pousou em Salvador e, no dia seguinte, foi levado para o Aeroporto de Jundiaí, no interior de São Paulo — segundo as investigações, ali o avião foi carregado de cocaína.

Ao todo, foram cumpridos 43 mandados de busca e apreensão e sete mandados de prisão preventiva nos estados da Bahia, São Paulo, Mato Grosso, Rondônia e Pernambuco. Apenas para Mato Grosso, foram expedidas cinco ordens judiciais.

Em Portugal, com o acompanhamento de policiais federais, a polícia local cumpriu três mandados de busca e apreensão e dois mandados de prisão preventiva nas cidades do Porto e Braga.

Compartilhe:

Você pode gostar também... Posts

Feito com muito 💜 por go7.com.br