881x113
Banner 780x100

Depois de uma semana em queda livre, açúcar volta a subir nas bolsas internacionais

Da Redação

As baixas sucessivas, segundo analistas, foram decorrentes da entrada de produto da Índia e da União Europeia no mercado internacional, reforçando as previsões de superávit da oferta mundial, apurou o jornal Valor Econômico desta segunda-feira.

Ainda segundo o Valor, “na semana passada, os preços ganharam pressão adicional das especulações sobre os efeitos de uma eventual alteração no Brasil da cota de importação de etanol sobre o mix de produção das usinas. Mas etanol continua remunerando mais que o açúcar”.

Na sexta-feira, no vencimento março/18, a commodity fechou com alta de 17 pontos e negócios firmados em 13,25 centavos de dólar por libra-peso. As telas de maio e julho subiram 16 pontos cada. Nos demais vencimentos o açúcar subiu entre 15 e 18 pontos.

Londres acompanhou o cenário positivo e viu os preços do açúcar subirem 40 centavos de dólar no vencimento março/18, negociado a US$ 353,50 a tonelada. Nas demais telas a oscilação foi positiva entre 1,80 e 4 dólares a tonelada.

Mercado doméstico

No mercado interno o açúcar teve sua 11ª baixa seguida na última sexta-feira, segundo índices do Cepea/Esalq. O açúcar cristal fechou cotado em R$ 58,32 a saca de 50 quilos, recuo de 0,24% quando comparado a cotação da véspera.

Fonte: Portal do agronegócio

Compartilhe:

Com muito ❤ por go7.site